topo :)

27/09/2013

Lançamentos Editora Benvirá # 3


Olá meus leitores queridos...
Vamos terminar a semana com alguns lançamentos pra mexer com o nosso coração?! 
Confiram o que vem por ai.

Lançamentos Editora Benvirá


Um pedido às Estrelas


Sinopse: Após um grave acidente, Elle sofre um trauma cerebral irreversível, mas em seu ventre cresce uma vida. Apesar da fragilidade da situação, há uma possibilidade de ela dar à luz o tão aguardado filho. No entanto, com a mesma força com que desejou um filho, Elle se opunha a manter uma vida artificialmente. Se ela pudesse decidir, o que falaria mais alto? Escrito com sensibilidade e compaixão, Um pedido às estrelas é uma emocionante história que levanta profundas reflexões sobre vida e morte, fé e ciência, e ilumina o poder do amor para ferir... e curar.

A Cozinha das Escritoras


Sinopse: Cozinhar e comer muito tem a ver com a arte da escrita: cozinheira e escritora compartilham do poder da criação, enchem a sua arte de personalidade e de sabor e capricham até chegar ao ponto certo e desejado. A cozinha das escritoras põe à mesa pequenas biografias gastronômicas de grandes mulheres da literatura internacional, contando suas relações de amor e ódio, exagero e escassez com a comida. E para deixar a leitura ainda mais saborosa, a autora apresenta as receitas dos pratos que fizeram parte da vida de cada uma delas, com o robalo de Gertrude Stein em homenagem a Picasso e a geléia de maça e limão preferida de Wirginia Woolf.

Nocaute 


Sinopse: Há quem pense que a literatura e o boxe jamais poderiam andar juntos, que ao primor e requinte da primeira se oporiam a fúria e a brutalidade do segundo. Ainda assim, de todos os esportes, o boxe parece ser o que mais tem marcado presença na literatura, principalmente na norte-americana. Autores como Ernest Hemingway, Vladimir Nabokov e Norman Mailer, além do próprio Jack London, subiram ao ringue algumas vezes — e não raro usaram seus punhos fora dele. O fato é que o boxe, assim como qualquer luta com público pagante, fascina sua audiência ao expor a dimensão mais primordial de nossa existência: a do combate direto em que o melhor se sobrepõe. E talvez por isso mesmo o boxe ofereça tantas metáforas para o drama humano. Ao explorar a inteligência, a estratégia e o jogo de poder entre as quatro cordas, o que se encontra é uma narrativa heroica cujo protagonista sofre diversos golpes, supera alguns, é abatido por outros, e ao fim se vê transformado por suas próprias experiências. Um prato cheio para um escritor habilidoso como London. Lutadores tendem a render personagens extraordinários. E é isso o que encontramos neste volume. Seja o bom-moço apaixonado que mal consegue pedir um milk-shake na sorveteria em que trabalha sua amada, mas que perde todas suas inibições ao vestir as luvas, seja o peso-pena sobre quem ninguém sabe nada, mas que enche os cofres da Junta Revolucionária Mexicana com os prêmios que ganha, todos eles têm a mesma habilidade: atingir-nos com suas histórias como um soco no estômago.

Mara Gabrilli


Sinopse: O dia 21 de agosto de 1994 mudaria para sempre a vida de Mara Gabrilli. Uma estrada sinuosa, um carro em alta velocidade, uma curva malfeita... Depois de um fi m de semana em Paraty ao lado do namorado e do melhor amigo, Mara acordaria no hospital e, aos 26 anos, descobriria que uma fratura nas vértebras C4 e C5 tirara os movimentos de seu corpo do pescoço para baixo. Terminava ali a vida da garota sem limites, que não tinha medo de nada e adorava aventuras. Em seu lugar, nascia uma mulher que precisou lutar, primeiro, para respirar. Quando conseguiu fazê-lo sozinha, sem a ajuda de aparelhos, “tudo ficou fácil”. Foram meses de superação e hospitais. Primeiro em São Paulo, depois nos EUA. Tempo em que a família deixou tudo de lado para buscar o melhor tratamento possível. Foi em um centro de reabilitação norte-americano que Mara aprendeu a lidar com aquela que seria sua companheira para o resto da vida: a cadeira de rodas. Desde o acidente, Mara é acompanhada 24 horas e auxiliada em todas as atividades do dia a dia. Mesmo assim, a paralisia nunca foi um obstáculo. Nesses quase vinte anos, foi mais longe do que muitas pessoas com o domínio de todas as faculdades, e decidiu ajudar aqueles que, como ela, têm alguma limitação, mas que, como ela, se recusam a aceitar as limitações impostas pela falta de acessibilidade das cidades e pelo preconceito. Depois daquele dia é um convite para mergulhar na vida e na alma dessa mulher, que, por sua natureza, não é capaz de ficar sem se mexer.

Passagem de Istambul


Sinopse: Istambul. Cidade turca que serve de ligação entre o Ocidente e o Oriente. Ponto de passagem de povos e civilizações. Sobreviveu à Segunda Guerra Mundial como um ímã para refugiados e espiões, traficando segredos e mentiras e deixando de lado os soldados. Leon Bauer, um executivo norte-americano expatriado, se vê arrastado para esse mundo sombrio, trabalhando clandestinamente para apoiar o esforço de guerra dos Aliados. Quando a comunidade de espiões começa a arrumar as malas e a cidade se prepara, apreensiva, para a vida no pós-guerra, Leon recebe uma última missão. Mas uma fatalidade faz o trabalho fracassar, e ele entra em um assustador emaranhado de intrigas, deslocando-se entre a lealdade e a incerteza moral. A luta de Leon para salvar uma vida se desenvolve num cenário entre bazares, mesquitas e mansões desbotadas dessa onisciente e antiga cidade otomana, em uma caçada desesperada que acaba ameaçando sua própria sobrevivência. 

Atenas


Sinopse: Sempre tive a impressão de que tudo que sabemos hoje teve origem na Grécia, em uma época em que os deuses personificavam os defeitos e as virtudes humanas. E não é de estranhar que isso tenha me causado um certo fascínio: eram os deuses astronautas? Ou apenas um povo vindo de uma ilha distante? Como vivem os gregos da atualidade (em meio à crise, sem bacanais e intervenção divina)? Esse fascínio me levou à Atenas seis vezes e, na última delas, resolvi me comportar como um cidadão local. É claro que visitei lugares turísticos – afinal, como resistir? –, mas fui além. Descobri pequenos recantos, que pouco significam para aqueles que estão de passagem, mas que transmitem a alma da cidade e de seus moradores. O Mercado Público e as pequenas tavernas onde os atenienses comem, bebem, cantam e dançam, por exemplo, são verdadeiras instituições nacionais. Gosto de imaginar que existam cidades, assim como algumas pessoas, que são únicas. E Atenas, para mim, é uma delas. A capital é uma mistura de aromas, ruídos e visões que fazem bem para os sentidos. É uma polis incomparável. Eu, que fui à Grécia em busca da mitologia, da filosofia e da democracia – os três pilares da cultura ocidental –, encontrei um povo descrente, desorientado. A Grécia, que moldou o mundo, agora não consegue moldar-se a si própria. Atenas é um retrato em cores berrantes da confusão em que se meteu o mundo contemporâneo. 

A Sombra do Gavião


Sinopse: A guerra na Lyssia contra os invasores de Bast continua. Drew Ferran, o último dos Lobos cinzentos e herdeiro do trono da Westland, é vendido como escravo e levado para Scoria, onde é transformado em um gladiador e obrigado a lutar pela própria vida na Fornalha, o coliseu local. Enquanto isso, o que restou de seu Conselho Lupino depois da derrota em Highcliff — entre eles o barão Hector e o duque Manfred — foge dos inimigos no navio Turbilhão e parte em busca de aliados, antes que seja tarde demais. Ao mesmo tempo, Marc Ferran, irmão de Drew, marcha pelo continente com a Guarda Leonina atrás do Lobo, deixando atrás de si um rastro de destruição. É quando começam as reviravoltas: ao lado de seus companheiros gladiadores, entre eles Hawklord Gryffin, Drew lidera uma rebelião na Fornalha e parte rumo à Lyssia; em sua incursão pelo continente, Marc começa a questionar sua lealdade aos Catlords; e, em alto mar, o magíster Hector aprofunda cada vez mais seu contato com a magia negra. Este terceiro livro da série “Wereworld”, A Sombra do Gavião, apresenta ainda mais ação, personagens extraordinários e luta épica entre o bem e o mal. 

1983 - Red Riding


Sinopse: 1983 é a última parte da série Red Riding, que tem deixado muitos leitores aterrorizados e ansiosos para saber afinal quem é o estripador de Yorkshire (Inglaterra). Tudo começou em 1974, quando alguns assassinatos despertaram a atenção de dois policiais. Nove anos depois, todos aqueles que se arriscaram a investigar os casos assustadores ainda não chegaram a uma conclusão, ou chegaram a várias, nunca comprovadas. Neste volume, mais um personagem entra em cena. É John Piggot, advogado contratado para defender um suposto sequestrador e assassino. Sua atuação, no entanto, extrapola o caso que está estudando. Durante a investigação, Piggot cruza com personagens que habitaram as páginas da série e acaba ajudando na solução dos crimes de Yorkshire. A partir da trajetória e da perspectiva de três narradores, Peace constrói em 1983 um painel sombrio da depravação e da corrupção da justiça: BJ, o michê de 1974, Piggot, o mais próximo da figura de herói, e Maurice Jobson, o chefão da polícia, cuja carreira de corrupção e brutalidade atinge o auge. Quando seus caminhos se encontram, o destino não poderia ser outro: vingança. Com este livro, Peace encerra sua tetralogia colocando o ponto final num verdadeiro épico que já entrou para a história. Red Riding 1983 é a conclusão digna de uma das melhores séries contemporâneas.


Gostaram dos lançamentos?? Estou doida pra ler "Um Pedido às Estrelas" ele parece ser muito bom e tem a capa linda. Deixem aqui os comentários me dizendo quais vocês mais gostaram.

Bjokas :)

6 comentários:

  1. Bons lançamentos. O da cozinha me chamou a atenção, nem sei porque! rs! Me pareceu divertido.

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  2. O primeiro parece ser lindo e muito, muito sensível! Gostei...

    Abraços, Isabela.
    www.universodosleitores.com

    ResponderExcluir
  3. cara eu curti o primeiro livro, parece ser legal

    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  4. Que legallll! Amei o último, pena que se trata de uma série e eu não sou muito fã hahaha
    Beijos

    http://estantedasfadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Kelly,
    adoro os livros dessa editora, adorei "A sombra do gavião" e "Um pedido às estrelas", gostei da sinopse deles e parece ser bem interessante e as capas são lindas.
    Beijão

    ResponderExcluir

Obrigado pela seu visita, e pelo seu comentário.
Deixe o link do seu blog se você tiver, que irei seguir com maior prazer.
Deixe também o seu e-mail, que estarei respondendo o seu comentário.
Bjos

© Livros e Marshmallows ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo