topo :)

29/09/2017

Resenha: Quando Eu Era Joe

Olá Pessoal, tudo bem??
Bora conferir mais uma resenha de um livro um pouco antigo, mas que vale a pena ler!

Livro: Quando Eu Era Joe
Autora: Keren David
Editora: Novo Conceito
Ano: 2014
Páginas: 318
Skoob: 4/5

Sinopse: Imagine o que é perder, em uma única noite, sua casa, seus amigos, sua escola e até mesmo o seu nome. Aos 14 anos, Ty presencia um crime bárbaro num parque de Londres. A partir desse momento, tudo muda para ele: a polícia o inclui no programa de proteção à testemunha, e Ty é obrigado a assumir uma vida diferente, em outra cidade. O menino ingênuo, tímido, que costumava ser a sombra do amigo Arron, matricula-se na nova escola como Joe... E Joe não poderia ser mais diferente de Ty: faz sucesso com as meninas, torna-se um corredor famoso... Joe é tão popular que acaba incomodando os encrenqueiros da escola. Ser Joe é bem melhor do que ser Ty. Mas, logo agora, quando ele finalmente parece ter se encaixado no mundo, os atentados e ameaças de morte contra sua família o obrigam a viver no anonimato, em fuga constante e sob a pressão de prestar depoimentos sobre uma noite que ele gostaria de esquecer. Um livro sobre coragem e o peso das consequências do que fazemos.

Resenha: Esse livro me interessou bastante depois que li a sinopse dele, e confesso a vocês que valeu a pena ter lido.Tyler é um garoto de 14 anos que vive com sua mãe Nick, mas que passa a maior parte do tempo com sua avó. Em um certo dia ele vira testemunha de um crime e vai até a policia denunciar e como são pessoas perigosas que estão sendo acusadas, ele e sua mãe entram para o programa de proteção a testemunha e tem que se mudar de Londres para uma cidade mais afastada.

Ty como é chamado, não gosta muito da ideia, pois não vai poder mais ter contato com seu melhor amigo Arrow e também não vai poder falar com sua avó, essa parte é o que mais deixa ele chateado. 

Ty e sua mãe ganham nomes novos, ele agora se chama Joe e sua mãe Michelle, os dois tem o visual mudado por uma policial, ele tem olhos verdes e tem que usar lentes para escurecê-los, pintar o cabelo de preto e deixar mais comprido e sua mãe tem o cabelo loiro e comprido, ele é cortado e pintado também de uma cor mais escura. Joe como se chama agora também começa em uma nova escola e aproveita a oportunidade de mudar o seu comportamento e fica totalmente irreconhecível.

A leitura é bem agradável e conforme o tempo vai passando você quer saber mais do que esta acontecendo com Tyler e saber se realmente ele vai ficar para sempre como Joe ou vai poder ter sua vida normal de volta.

Na escola Joe se torna o aluno mais popular e começa a chamar muita atenção para si mesmo, o que não é uma boa coisa no caso dele, já que ele teve as instruções do policial Doug para que tentasse ser o mais discreto possível. Além de tudo para tentar ¨escapar¨ de um encontro forçado com a garota mais popular da escola, Joe resolve falar que o Professor de educação física deles chamou ele para fazer um treino de corrida, mas isso era apenas uma mentira, mas Joe acaba se dando bem na corrida e consegue que Ellie, uma aluna cadeirante, mas competidora das paraolimpíadas seja sua treinadora e ele gosta disso, sabe que isso é bem diferente da sua vida de antes.

Como todo garoto novato na escola, algumas pessoas não gostam dele e começam a provoca-lo, mesmo sabendo que era para ele ser o mais discreto possível ele não consegue simplesmente deixar para lá e ignorar tudo, pelo contrário, quanto mais popular ele fica, mas Joe gosta da ideia, e esse ponto eu achei meio estranho, pois um garoto com sua mãe que estão em proteção deveria ter ideia que se ficasse muito exposto acabaria acontecendo algo de errado e que os bandidos poderiam acham ele mais facilmente.

Tirando essa parte que acabei de citar o livro é bem interessante, não é um thriller, mas é bem emocionante e me cativou muito, tanto que não consegui desgrudar dele até o final.

A mãe de Joe, Nick, agora como Michelle acaba entrando em depressão pois sua vida foi toda mudada de uma hora para outra, não pode mais trabalhar e nem estudar, o que ela tanto gostava e queria era se formar em Direito, Joe tem que saber lidar com essa situação, já que ele nunca foi tão apegado com a mãe assim, já que foi praticamente criado pela sua avó. Essa é outra preocupação dele, quando poderá vê-la novamente e se ela esta realmente segura e protegida pelos policiais que dizem que estão de olho em tudo.

O livro nos faz pensar em como seria deixar toda sua vida para trás e começar do zero, nada poderá ser como era e tudo terá que ter certa cautela para que nada saia de errado, para que ninguém desconfie que ele não se chama Joe na verdade, mas sim Tyler. Em alguns momentos do livro sua mãe acaba esquecendo e chamando ele de Ty na frente de seus amigos, mas ele consegue contornar a situação dizendo que é um apelido que a mãe teria colocado nele.

E até em que ponto uma pessoa está disposta a mudar tudo para entregar criminosos a policia, essas reflexões Joe(Ty) começa a se fazer, já que ele sabe mais do que conta aos policiais e tem medo de que tudo de errado e que ele acabe piorando a situação.

Um livro que me deixou bem intrigada e com vontade de ler o próximo, quero saber o que Joe anda fazendo e o que ele pensa sobre isso, se ele vai querer desistir por sua mãe ou vai querer continuar no programa de proteção a testemunha.  Vale a pena ler e ver como a vida de uma pessoa pode mudar de uma hora para outra, o que poderíamos fazer ou não, já que nunca (assim espero) vamos passar por uma situação dessas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela seu visita, e pelo seu comentário.
Deixe o link do seu blog se você tiver, que irei seguir com maior prazer.
Deixe também o seu e-mail, que estarei respondendo o seu comentário.
Bjos

© Livros e Marshmallows ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo