topo :)

11/11/2018

Resenha - Sem Escolha

Olá pessoal, tudo bem??
Vem conferir a resenha do mais novo livro da Abbi Glines, se você gosta desse tipo de livro, tenho certeza que essa resenha vai interessar e muito!!!

Livro: Sem Escolha
Autora: Abbi Glines
Editora: Arqueiro
Ano; 2018
Páginas: 224
Skoob: 3/5

Sinopse: Está cada vez mais quente na cidade litorânea de Sea Breeze, e Marcus Hardy encontrou o abrigo perfeito para passar os próximos meses de calor: o frequentado apartamento de Cage York. As garotas estão sempre entrando e saindo de lá, em sua maioria mulheres lindas que nunca ficam mais de uma noite. Quando Marcus chega, está apenas buscando curar seu coração ferido. Só que uma das frequentadoras mais assíduas da nova casa logo chama sua atenção. Willow – ou apenas Low – é a mulher com quem Cage pretende se casar. Mas os dois são completamente diferentes, e Marcus não entende como ela pode lidar tão bem com a infidelidade de Cage. No fundo, Low precisa mesmo é de um homem de verdade... bonito e sensível como Marcus. Porém, as coisas não são tão simples, e esse relacionamento vai se complicar de um dia para o outro, assim que um grande segredo for revelado. Em Sem Escolha, segundo livro da série Sea Breeze, Abbi Glines continua a atiçar a imaginação dos leitores com personagens sedutores e romances apimentados.

Resenha: Como sempre gosto muito dos livros da autora, e essa é uma série que comecei a ler e claro que eu tinha ler, apesar dessa ser uma série mais adolescente.

Aqui vamos conhecer Marcus, um homem de 21 anos, que precisava morar perto de sua mãe  novamente devido a alguns problemas familiares, e assim, conseguiu dividir o apartamento com Cage, um cara que gosta de curtir a vida, e não consegue ficar sem um rabo de saia.

Willow tem 19 anos, mora com sua irmã, e em troca de conseguir um lugar para dormir, ela olha sua sobrinha Larissa, de 1 ano, mas ela e a irmã sempre estão brigando e por causa disso, ela corre para o apartamento de Cage, ele é seu amigo de infância e seu porto seguro sempre que precisa.

É claro que desde o começo já sabemos que vai rolar algo entre Marcus e Willow, mas aqui vamos encontrar alguns conflitos de família que poderá deixar esse casal abalado e até mesmo uma possibilidade de não ficarem juntos.

Gosto muito da escrita da autora, sempre que leio os livros dela, sinto que a leitura flui muito bem, acho a escrita dela gostosa e esses livros são ótimos para tirar você de uma ressaca.

Essa nova série da autora, é mais adolescente, com personagens sem ou com quase nenhuma experiência sexual, sim, esse livro assim como o primeiro tem cenas de sexo, não são muitas, mas mesmo assim é recomendado critério para a leitura.

Mais uma vez gostei do livro e com certeza continuo lendo os que a editora Arqueiro trazer da autora, para quem gosta de romance mais leve com uma pitada de hot, com certeza vai gostar tanto quanto eu, Abbi Glines sabe como envolver seus leitores já na primeira página!!



09/10/2018

Resenha - A Luz Que Perdemos

Oioi pessoal, vamos de resenha hoje?


Livro: A Luz Que Perdemos
Autora: Jill Santopolo
Editora: Arqueiro
Ano: 2018
Páginas: 272
Skoob: 5/5

Sinopse: Lucy e Gabe se conhecem na faculdade na manhã de 11 de setembro de 2001. No mesmo instante, dois aviões colidem com as Torres Gêmeas. Ao ver as chamas arderem em Nova York, eles decidem que querem fazer algo importante com suas vidas, algo que promova uma diferença no mundo. Quando se veem de novo, um ano depois, parece um encontro predestinado. Só que Gabe é enviado ao Oriente Médio como fotojornalista e Lucy decide investir em sua carreira em Nova York. Nos treze anos que se seguem, o caminho dos dois se cruza e se afasta muitas vezes, numa odisseia de sonhos, desejo, ciúme, traição e, acima de tudo, amor. Lucy começa um relacionamento com o lindo e confiável Darren, enquanto Gabe viaja o mundo. Mesmo separados pela distância, eles jamais deixam o coração um do outro. Ao longo dessa jornada emocional, Lucy começa a se fazer perguntas fundamentais sobre destino e livre-arbítrio: será que foi o destino que os uniu? E, agora, é por escolha própria que eles estão separados? A Luz Que Perdemos é um romance impactante sobre o poder do primeiro amor. Uma ode comovente aos sacrifícios que fazemos em nome dos ­nossos sonhos e uma reflexão sobre os extremos que perseguimos em nome do amor.

Resenha: Lucy e Gabes são dois jovens com uma vida cheia de aventuras, decisões e escolhas. Eles se conhecem justamente no dia 11 de Setembro de 2001 (data muito marcante na história do país e do mundo) um grande ataque terrorista as Torres Gêmeas de Nova York.

Os dois estudavam na mesma faculdade e nesse dia trágico se conhecem, se beijam e vivem uma paixão avassaladora.

Lucy que inicia a narrativa da história contando a vida dos dois. Ela narra todo o seu sentimento pelo Gabe, tudo que ela viveu e sonha em viver ao lado dele. Um amor cheio de esperanças e inseguranças. A vida e o destino segue o seu caminho. Em muitos momentos pensamos em mudar o rumo da nossa história, mas o destino vem e nos prega uma peça.

O livro tem uma história linda. A autora conseguiu escrever um livro que de fato nos da muita vontade de chorar no final. Eu só não chorei pois estava lendo em um lugar que não dava para chorar, mas confesso que fiquei com um nó na garganta.

Os capítulos do livro são bem curtinho e isso faz com que a leitura flua de uma forma mais rápida. Mesmo sendo uma narrativa simples e uma história cliché, esse livro é maravilhoso e indico a leitura mil vezes, amei a escrita da autora e me apaixonei pela história da Lucy e Gabe.

Não vou me prolongar nesta resenha, pois a história é bem curta e objetiva, não quero dar nenhum tipo de spoiler pois cada acontecimento é de extrema importância.

Espero que tenham gostado.

Beijos 




06/10/2018

Resenha: Os Portais da Casa dos Mortos


Olá pessoal, tudo bem??
Vem conferir comigo, a resenha de um dos livros que mais gostei nesse ano, e que vai fazer você gostar muito de ler fantasia e um calhamaço, tudo de uma vez só!!


Livro: Os Portais da Casa dos Mortos
Autor: Steven Erikson
Editora: Arqueiro
Ano: 2018
Páginas: 816
Skoob: 5/5

Sinopse:Já se passaram dez anos desde que Laseen tomou o trono com um ardil traiçoeiro, mas, à medida que o Ano de Dryjhna se aproxima, o Império Malazano se vê à beira da anarquia, enfraquecido pelos acontecimentos na cidade de Darujhistan. Muitas das regiões controladas pelo punho de ferro da imperatriz ameaçam acender a fagulha da revolução.No meio do vasto domínio das Sete Cidades fica o Deserto Sagrado Raraku, onde estão os resquícios de incontáveis civilizações extintas há muito tempo. Nesse lugar repleto de segredos e magia, a Vidente Sha’ik e os seguidores do Apocalipse preparam um levante contra o poderoso império, conforme previsto nas antigas profecias.Enquanto as forças convergem contra Laseen, ela reúne um exército de assassinos, feiticeiros e espiões para combater a rebelião e ampliar seu império cruel. Em meio a uma fúria e um poder jamais vistos, o mundo está prestes a mergulhar em uma guerra sangrenta, capaz de mudar os destinos de homens e civilizações, criando lendas que atravessarão os séculos.

Resenha: Quando vi esse livro, imediatamente quis ele para ler, não me atentei que ele era o segundo livro de uma série, mas mesmo assim, deu certo a leitura e não fiquei com a sensação de que algo estava faltando.

Já se passaram mais de dez anos depois dos acontecidos no primeiro livro, aqui vamos ver todos entrando em profundo desespero, já que independente se é mortal ou imortal poderá sofrer as consequências, fazendo jus ao nome do livro, vamos ter mortes, muitas mortes, e de todas as formas possíveis, não importando quem ou como, e nada de passar a mão e fazer uma cena fraca, muito pelo contrário, teremos sangue, muito sangue nesse livro.

Como aqui temos novos personagens foi o que não me fez sentir tanto a necessidade de ter lido o primeiro livro, e vi muitas pessoas dizendo que, esse segundo livro é melhor do que o primeiro, então acho que não perdi muita coisa, mas tenho sim curiosidade de ler ele, já que é livro de fantasia e amo muito esse gênero.

Para os amantes de fantasia, com certeza vai ser um livro que vai te prender do começo ao final do livro, mas não é uma leitura fácil e rápida, ela precisa ser degustada e entendida, conforme vamos entrando nesse mundo que o autor criou e nos deu de presente.

Adorei o livro e com certeza se tornou uma das minhas melhores leituras desse ano, quero muito ler mais livros do autor e se possível dessa série, que com certeza vamos ter muito mais coisas vindo por ai, e claro, esse livro é uma história de alta fantasia, então talvez você mesmo gostando de histórias fantásticas, é capaz de não gostar tanto do livro, mas lembre-se, vale muito a pena a leitura e de uma chance desse calhamaço te conquistar e se tornar um dos seus melhores livros lidos.



21/09/2018

Séries Concluídas # 4

Oioi meus amores tudo bem?
Hoje vou postar uma coluna que amo no blog. Depois que o Netflix entrou na minha vida não paro de assistir séries. E a série de hoje me deixou completamente órfã de saudades.



Gente eu AMEI esta série. Me identifiquei várias vezes com cada uma delas. 
É uma série que conta avida de donas de casas. E uma delas comete suicídio e começa a contar as histórias das amigas depois de morta em uma pequena cidade no subúrbio chamada Wisteria Lane. Envolvendo muitos mistérios e dramas familiares 


Elas tinha uma amizade inabalável. NADA e NINGUÉM no mundo abalava a fidelidade que elas tinham uma com as outras. É claro que como toda amizade existia alguns momentos de brigas, mas mesmo assim elas permaneciam fiéis.



Existia o meu casal favorito. Na minha opinião eles foram o maior exemplo de casamento e família que já existiu em uma série. Morri de amores pelo Tom e pela Linete.



Sinto saudades...muitas saudades desta série. Recomendo de olhos fechados para quem curte séries clichés com histórias de amor, amizade, superação e traição. Desperate é a SÉRIE. Mas quem ficou com vontade de assistir correeee pois ela está prestes a sair do Netflix. Lá tem todas as temporadas.

Espero que tenham gostado do post de hoje. Quem já assistiu a série me conta aqui o que achou.

Beijos 





01/09/2018

Lançamentos Editora Arqueiro Agosto e Setembro #47

Olá meus amores, tudo bem?? Vamos conferir os lançamentos que estão vindo por ai?




Sinopse: Primeiro livro da nova série de Julia Quinn, Os Rokesbys. Julia Quinn já vendeu mais de 850 mil livros pela Editora Arqueiro. Às vezes você encontra o amor nos lugares mais inesperados...Esta não é uma dessas vezes. Todos esperam que Billie Bridgerton se case com um dos irmãos Rokesbys. As duas famílias são vizinhas há séculos e, quando criança, a levada Billie adorava brincar com Edward e Andrew. Qualquer um deles seria um marido perfeito... algum dia. Às vezes você se apaixona exatamente pela pessoa que acha que deveria...Ou não. Há apenas um irmão Rokesby que Billie simplesmente não suporta: George. Ele até pode ser o mais velho e herdeiro do condado, mas é arrogante e irritante. Billie tem certeza de que ele também não gosta nem um pouco dela, o que é perfeitamente conveniente. Mas às vezes o destino tem um senso de humor perverso...Porque quando Billie e George são obrigados a ficar juntos num lugar inusitado, um novo tipo de faísca começa a surgir. E no momento em que esses adversários da vida inteira finalmente se beijam, descobrem que a pessoa que detestam talvez seja a mesma sem a qual não conseguem viver


Sinopse: Aguardado último livro da série A maldição do tigre, que teve direitos vendidos para a Paramount Pictures. Colleen Houck já vendeu mais de 700 mil livros pela Editora Arqueiro. Um passado de solidão. Um futuro de mágoa e abandono. E a possibilidade de mudar tudo, desde o começo. Com a derrota do feiticeiro Lokesh, só parecia restar ao príncipe Kishan Rajaram passar a eternidade cumprindo a promessa de proteger a linda e irascível deusa Durga. Preso no passado, ele sofre depois que seu irmão, Ren, e Kelsey, a garota que ambos amam, voltam ao presente e começam a viver o seu “felizes para sempre”. Então, quando o xamã Phet aparece pedindo sua ajuda para salvar Kelsey, Kishan agarra a oportunidade com unhas e dentes, disposto a voltar atrás na sua decisão de ficar no passado e assim mudar seu destino. O tigre negro está prestes a descobrir que aquilo que parece o fim pode ser apenas um recomeço...Com um desfecho extraordinário, a autora Colleen Houck apresenta neste quinto volume uma visão completa da empolgante saga dos tigres. Numa complexa teia de viagens pelo tempo, Kishan e Durga concluem, entre idas e vindas, uma tarefa após a outra para garantir que a linha traçada para o destino da humanidade seja cumprida – o tempo todo lutando contra a tentação de interferir e redesenhar o futuro. “A maneira como Colleen tece a cultura indiana, o hinduísmo e o conto de fadas criado por ela, transformando-os em uma história de amor repleta de ação, é arrebatadora.” – blog Hollywood Crush, MTV.com. “Uma montanha-russa do começo ao fim: este livro tem ação, história, poesia, romance, magia, tudo que você poderia querer. Um livro com tanta paixão e emoção que você não será capaz de largá-lo.” – RT Book Review. “Colleen Houck claramente foi fundo em suas pesquisas sobre a cultura indiana e, com isso, criou descrições detalhadas capazes de fazer os leitores visualizarem os cenários da história com perfeição.” – School Library Journal


Sinopse: Nova edição de um dos maiores sucessos de Lucinda Riley. Com mais de 13 milhões de livros vendidos em todo o mundo, Lucinda Riley está na lista de autores mais vendidos da Inglaterra, Estados Unidos, Itália, Noruega, Alemanha e Brasil. Quando criança, Julia viveu na grandiosa propriedade de Wharton Park, na Inglaterra, ao lado de seus avós. Lá, a tímida menina cresceu entre o perfume das orquídeas e a paixão pelo piano. Décadas mais tarde, agora uma pianista famosa, Julia é obrigada a retornar ao local de infância na pacata Norfolk após uma tragédia familiar. Abalada e frágil, ela terá que reconstruir sua vida.Durante sua recuperação, ela conhece Kit Crawford, herdeiro de Wharton Park, que também carrega marcas do passado. Ele lhe entrega um velho diário que trará à tona um grande mistério, antes guardado a sete chaves pela avó dela. Ao mergulhar em suas páginas, Julia descobre a história de amor que provocou a ruína da propriedade: separados pela Segunda Guerra Mundial, Olivia e Harry Crawford acabaram influenciando o destino e a felicidade das gerações futuras. Repleto de suspense, A Casa das Orquídeas viaja da conturbada Europa dos anos 1940 às paisagens multicoloridas da Tailândia, tecendo uma trama complexa e inesquecível. “Romântico, emocionante e com uma ambientação rica em detalhes.” – Lancashire Post “Uma história dilacerante que deixa o leitor totalmente absorto.” – Grazia


Sinopse: O novo romance de Gayle Forman, autora dos best-sellers Se Eu Ficar e Eu Estive Aqui. Suas obras já venderam mais 9 milhões de livros pelo mundo. Freya perdeu a voz no meio das gravações de seu álbum de estreia. Harun planeja fugir de casa para encontrar o garoto que ama. Nathaniel acaba de chegar a Nova York com uma mochila, um plano elaborado em meio ao desespero e nada a perder. Os três se esbarram por acaso no Central Park e, ao longo de um único dia, lentamente revelam trechos do passado que não conseguiram enfrentar sozinhos. Juntos, eles começam a entender que a saída do lugar triste e escuro em que se acham pode estar no gesto de ajudar o próximo a descobrir o próprio caminho. Contado a partir de três perspectivas diferentes, o romance inédito de Gayle Forman aborda o poder da amizade e a audácia de ser fiel a si mesmo. Eu Perdi o Rumo marca a volta de Gayle aos livros jovens, que a consagraram internacionalmente, e traz a prosa elegante que seus fãs conhecem e amam.


Sinopse: Kate Morton já vendeu mais de 10 milhões de livros no mundo. Nova edição do livro de maior sucesso da autora. Uma criança abandonada, um antigo livro mágico, um jardim secreto, uma família aristocrática, um amor negado. Em mais uma obra-prima, Kate Morton cria uma história fantástica que nos conduz por um labirinto de memórias e encantamento, como um verdadeiro conto de fadas. Dez anos após um trágico acidente, Cassandra sofre um novo baque com a morte de sua querida avó, Nell. Triste e solitária, ela tem a sensação de que perdeu tudo o que considerava importante. Mas o inesperado testamento deixado pela avó provoca outra reviravolta, desafiando tudo o que pensava que sabia sobre si mesma e sua família. Ao herdar uma misteriosa casa na Inglaterra, um chalé no penhasco rodeado por um jardim abandonado, Cassandra percebe que Nell guardava uma série de segredos e fica intrigada sobre o passado da avó. Enchendo-se de coragem, ela decide viajar à Inglaterra em busca de respostas. Suas únicas pistas são uma maleta antiga e um livro de contos de fadas escrito por Eliza Makepeace, autora vitoriana que desapareceu no início do século XX. Mal sabe Cassandra que, nesse processo, vai descobrir uma nova vida para ela própria. Publicado originalmente como O Jardim Secreto de Eliza.


Sinopse: Está cada vez mais quente na cidade litorânea de Sea Breeze, e Marcus Hardy encontrou o abrigo perfeito para passar os próximos meses de calor: o frequentado apartamento de Cage York. As garotas estão sempre entrando e saindo de lá, em sua maioria mulheres lindas que nunca ficam mais de uma noite. Quando Marcus chega, está apenas buscando curar seu coração ferido. Só que uma das frequentadoras mais assíduas da nova casa logo chama sua atenção. Willow – ou apenas Low – é a mulher com quem Cage pretende se casar. Mas os dois são completamente diferentes, e Marcus não entende como ela pode lidar tão bem com a infidelidade de Cage. No fundo, Low precisa mesmo é de um homem de verdade... bonito e sensível como Marcus. Porém, as coisas não são tão simples, e esse relacionamento vai se complicar de um dia para o outro, assim que um grande segredo for revelado. Em Sem Escolha, segundo livro da série Sea Breeze, Abbi Glines continua a atiçar a imaginação dos leitores com personagens sedutores e romances apimentados.


Sinopse: Embora Vincent, o visconde Darleigh, tenha ficado cego no campo de batalha, está farto da interferência da mãe e das irmãs em sua vida. Por isso, quando elas o pressionam a se casar e, sem consultá-lo, lhe arranjam uma candidata a noiva, ele se sente vítima de uma emboscada e foge para o campo com a ajuda de seu criado. No entanto, logo se vê vítima de outra armadilha conjugal. Por sorte, é salvo por uma jovem desconhecida. Quando a Srta. Sophia Fry intervém em nome dele e é expulsa de casa pelos tios sem um tostão para viver, Vincent é obrigado a agir. Ele pode estar cego, mas consegue ver uma solução para os dois problemas: casamento. Aos poucos, a amizade e o companheirismo dos dois dão lugar a uma doce sedução, e o que era apenas um acordo frio se transforma em um fogo capaz de consumi-los. No segundo volume da série Clube dos Sobreviventes, você vai descobrir se um casamento nascido do desespero pode levar duas pessoas a encontrarem o amor de sua vida.


Sinopse: O ano é 1944. Os Aliados estão se preparando para desembarcar na Normandia e libertar os territórios ocupados por Hitler, na operação que entrou para a história como o Dia D. Para que a missão dê certo, eles precisam convencer os alemães de que a invasão acontecerá em outro lugar. Assim, criam um exército inteiro de mentira, incluindo tanques infláveis, aviões de papelão e bases sem parede. O objetivo é que ele seja fotografado pelos aviões de reconhecimento germânicos. O sucesso depende de o inimigo não descobrir o estratagema. Só que o melhor agente de Hitler, o Agulha, pode colocar tudo a perder. Caçado pelo serviço secreto britânico, ele deixa um rastro de mortes através da Grã-Bretanha enquanto tenta voltar para casa. Mas tudo foge a seu controle quando ele vai parar numa ilha castigada pela tempestade e vê seu destino nas mãos da mulher inesquecível que mora ali, cuja lealdade, se conquistada, poderá assegurar aos nazistas a vitória da guerra. Na obra-prima que lhe garantiu, há 40 anos, a entrada no cenário da literatura, Ken Follett fisga o leitor desde a primeira página, com uma trama repleta de suspense, intrigas e maquinações do coração humano.




Sinopse: As melhores receitas do Vigilantes do Peso, o programa de emagrecimento saudável mais famoso do mundo. Mais de 200 receitas saudáveis e deliciosas, sem alimentos proibidos. Se você procura ideias para deixar seus pratos saborosos e saudáveis, a inspiração de que precisa está em Culinária básica. Com o selo de qualidade Vigilantes do Peso, este livro reúne receitas deliciosas e dicas úteis para você comer bem, manter-se em forma e se aventurar na cozinha – não importa se você é um cozinheiro de mão cheia ou se nunca fritou um ovo. São mais de 200 receitas nutritivas – do café da manhã aos pratos principais para almoço e jantar, passando por lanches, aperitivos, acompanhamentos e sobremesas. As receitas são acompanhadas de fotos de dar água na boca, além de informações como tempo de preparo, nível de dificuldade e quantidade de pontos para o programa de perda e manutenção de peso. Conheça ainda os utensílios e equipamentos essenciais para sua cozinha, além de técnicas culinárias, cortes de carne, tipos de massa, uma tabela com as hortaliças da estação, um guia de temperos e o preparo de pratos básicos como arroz e feijão, ovos e omeletes, purê, farofa, entre outros. Sinta-se no controle da sua alimentação!


Sinopse: Com prefácio de Fábio Porchat e quadrinhos de André Dahmer, inclui depoimentos de Luciano Huck, Camila Pitanga, Milton Jung, Leo Jaime, Rafinha Bastos, Raony Phillips e outros, contando histórias curiosas sobre celular. Qual foi a última vez que você passou mais de uma hora (acordado) sem checar o celular? Agora mesmo, enquanto lê estas linhas, o seu celular está ao alcance das suas mãos? Pois é. De maravilha tecnológica o celular passou rapidamente a aparelho onipresente – e onisciente – em nossa vida. Nossos telefones tudo podem, tudo sabem, tudo veem. E nós não conseguimos mais viver sem eles. Como foi que isso aconteceu? E, mais importante: por que devemos nos preocupar com isso? Em Celular, doce lar, Rosana Hermann – jornalista, escritora, roteirista, apresentadora e blogueira pioneira – explica tudo isso. Com muito humor, histórias divertidas e dados das mais recentes pesquisas da psicologia comportamental e da neurociência, ela nos convida a discutir a nossa relação com o celular. E ainda sugere alternativas de detox digital para combater o vício e a dependência desses aparelhos cada vez mais sedutores. 


Sinopse: O que Nietzsche faria? traz uma série de conselhos e orientações dos maiores pensadores de todos os tempos para ajudar você a lidar com os desafios da vida cotidiana. Como Schopenhauer poderia ajudar você a curar um coração partido? Será que Platão consideraria o uso excessivo das redes sociais uma maneira de fugir da realidade? Qual seria o conselho de Maquiavel para um jovem buscando uma promoção no trabalho? O que Simone de Beauvoir argumentaria a favor da divisão de tarefas domésticas? Das pequenas questões mundanas aos grandes mistérios da existência, O que Nietzsche faria? reúne as ideias centrais de mais de 80 filósofos e oferece diversas perspectivas e soluções para os problemas que enfrentamos no dia a dia. Cada capítulo parte de uma questão prática, como “Minha amiga está sendo traída pelo namorado. Devo contar para ela?” ou “Por que me sinto culpado ao passar por um mendigo?”. Para respondê-la, o autor apresenta argumentos de alguns dos maiores pensadores de todos os tempos, incluindo Nietzsche,Foucault, Kant, Marx, Platão, Locke, Rousseau, Aristóteles, Schopenhauer e muitos outros. Cheio de ilustrações divertidas, exemplos e citações, estelivronão apenas nos ajuda a resolver dilemas éticos e morais como também oferece uma visão fascinante das muitas vertentes do estudo filosófico. Com as opiniões dos pensadores e os comentários esclarecedores de Marcus Weeks, você vai aprender a avaliar as situações por todos os ângulos possíveis. E mais: antes que perceba, estará citando Sócrates e discutindo Descartes em sua roda de amigos.


Sinopse: Fábio Teruel é radialista, cantor, motivador e evangelizador; possui mais de 3 milhões de seguidores no Facebook. “Há uma semente de grandeza em seu interior querendo brotar, florescer, dar frutos. É essa força que faz com que você se sinta inquieto, incomodado, precisando crescer. Portanto, abra a porta do seu coração e deixe o sol entrar. Deixe seu propósito desabrochar. Ao longo dos últimos anos, tenho me dedicado a encorajar as pessoas a não se contentarem com nada menos do que aquilo que Deus planejou para elas. E em relação a você, não tenho dúvida de que seus dias também serão mais cheios de paixão, motivação e significado quando conseguir identificar seu verdadeiro propósito. Minha intenção aqui não é apenas fazer você entender que já possui tudo de que precisa para ser feliz, mas também ajudá-lo a liberar os dons que estão escondidos no seu interior. Dessa maneira, você não só terá fé suficiente para retomar seu verdadeiro caminho, como será capaz de se tornar luz para iluminar a jornada daqueles que já não conseguem enxergar caminho algum. Você é livre para voar. Então prepare-se para ir mais longe do que sempre sonhou!”


Sinopse: Utopia para realistas é um daqueles raros livros que surpreendem e desafiam o que você prevê para o futuro. Vivemos uma época de agitação social sem precedentes, com
questionamentos sobre a sociedade, o trabalho, a felicidade, a
família e o dinheiro, e ainda assim nenhum partido político de
direita ou de esquerda nos oferece respostas. O historiador Rutger Bregman, um dos jovens pensadores mais aclamados da Europa, apresenta um novo caminho. Neste livro ele mostra que podemos construir uma sociedade com ideias visionárias que são, de fato, viáveis. Cada marco da civilização — do fim da escravidão ao início da democracia — já foi considerado uma fantasia utópica. Mas soluções aparentemente utópicas, como a renda básica universal e a jornada de trabalho de 15 horas por semana, podem se tornar realidade ainda nesta geração. Este roteiro para uma utopia revolucionária porém realizável é embasado por estudos e muitos casos de sucesso. De uma cidade canadense que foi capaz de erradicar a pobreza até a quase
implementação pelo presidente Nixon de uma renda básica para milhões de americanos, Bregman nos leva a uma jornada através da história – para além das divisões tradicionais entre esquerda e direita – e compartilha ideias prontas para serem postas em
prática.


Sinopse: Um o lhar moderno e descontraído sobre práticas e tradições milenares que conduzem à c alma e à s erenidade. “Kankyo Tannier apresenta um caminho real para a calma imediata. Após alguns minutos de prática, sua respiração fica mais tranquila e você se sente mais presente (funciona mesmo, nós testamos).” Cosmopolitan. Celebrada como uma nova e original voz do budismo, a monja francesa Kankyo Tannier parte de sua rica experiência pessoal para nos mostrar o poder transformador da prática do silêncio. Não apenas o silêncio das palavras, mas também dos pensamentos (reduzindo julgamentos e críticas internas), dos olhos (evitando o excesso de informações) e do corpo (reencontrando o prazer de estar presente a cada momento). Escrito com sensibilidade e a dose certa de humor, A magia do silêncio traz dicas, meditações e exercícios práticos para incluir pequenos intervalos de paz na agitação do dia a dia. Ao fazer essas pausas, os sentidos despertam e voltam a se abrir para as maravilhas escondidas na vida cotidiana.

29/08/2018

Resenha - As coisas que fazemos por amor


Olá meus amores...Tudo bem com vocês? Estão tendo chuvas de resenhas né?! Rs..
Confiram a resenha de hoje.

Livro: As coisas que fazemos por amor
Autora: Kristin Hannah
Editora: Arqueiro
Ano: 2017
Páginas: 352
Skoob: 5/5

Sinopse: “Kristin Hannah captura a felicidade e o sofrimento de uma família e prova mais uma vez por que é a estrela dos romances.” – Booklist “Este livro maravilhoso é um exemplo clássico das histórias tocantes e provocativas que são a especialidade de Kristin Hannah. A ternura e as complexidades dos personagens mexem com o nosso coração.” – Romantic Times. Caçula de três irmãs, Angela DeSaria já tinha traçado sua vida desde pequena: escola, faculdade, casamento, maternidade. Porém, depois de anos tentando engravidar, o relacionamento com o marido não resistiu, soterrado pelo peso dos sonhos não realizados. Após o divórcio, Angie volta a morar na sua cidade natal e retorna ao seio da família carinhosa e meio doida. Em West End, onde a vida vai e vem ao sabor das marés, ela conhece a garota que mudará a sua vida para sempre. Lauren Ribido é uma adolescente estudiosa, bem-educada e trabalhadora. Apesar de morar em uma das áreas mais decadentes da cidade com a mãe alcoólatra e negligente, a menina sonha cursar uma boa faculdade e ter um futuro melhor. Desde o primeiro momento, Angie enxerga em Lauren algo especial e, rapidamente, uma forte conexão se forma: uma mulher que deseja um filho, uma menina que anseia pelo amor materno. Porém, nada poderia preparar as duas para a repercussão do relacionamento delas. Numa reviravolta dramática, Angie e Lauren serão testadas de forma extrema e, juntas, embarcarão em uma jornada tocante em busca do verdadeiro significado de família.

Resenha: Mais um Livro da Kristin Hannah cheio de lições de vida para nos proporcionar. 

Neste livro conhecemos a história de Angie, uma mulher sofrida mas cheia de sonhos e o seu maior sonho é ser mãe.  Embora seja uma mulher de sucesso e cheia de garra para vencer, Angie se sente derrotada pelo falo de não conseguir ter filho. Por esta razão o seu casamento foi para o ralo.

Depois do divórcio Angie decide voltar para a casa onde se encontra a sua família. Seu pai morreu algum tempo e a mãe vem tentando reerguer o antigo restaurante no qual todos trabalharam por muito tempo. Angie tenta mudar tudo e fazer com que o restaurante cresça novamente (mesmo sem a concordância da mãe que insiste em manter a tradição do pai).

Com a reinauguração do restaurante e com o movimento aumentando, Angie precisa contratar uma garçonete para ajudar no atendimento do restaurante. Em meio a tantas idas e vindas da vida Angie conhece Lauren uma jovem terminando o Ensino Médio e com um enorme sonho de ingressar na Faculdade.

Lauren é uma jovem muito sofrida com uma vida muito difícil e conturbada com a mãe. Lauren não sabe o que é um amor materno, um amor familiar. O único amor que Lauren conhece é o que ela sente pelo seu namorado. Ela começa a trabalhar no restaurante e vê que ali existe uma família de verdade, uma família no qual ela sempre sonhou.

“Desejou poder chorar da mesma forma que antes. Com lágrimas que significavam esperança, como percebia agora. Quando os olhos secam, é porque não resta mais nada.”

Enquanto trabalha no restaurante e estuda, Lauren leva uma vida muito difícil com a sua mãe que é uma alcoólatra e vive pelos cantos da casa se lamentando e gastando dinheiro com bebidas enquanto a filha batalha para pagar o aluguel e colocar comida dentro de casa.

“O coração partido se cura. Como qualquer ferimento, fica uma cicatriz, uma lembrança, porém esmaecida.”

‘-Então o que está me dizendo é a velha resposta de que “o tempo cura todas as feridas”, não é?”

Em meio a tantas coisas acontecendo na vida de Lauren, para piorar ela engravida do seu namorado. Desesperada e pensando em contar com o apoio da mãe, leva uma surpresa quando a mãe sai de casa para ir embora com um novo namorado e a abandona. Lauren encontra abrigo na família de Angie no qual a recebe de braços abertos.

“Deixou o ar sair com força. Sentiu-se tola por ter acreditado que as coisas seriam diferentes ali. Por que seriam? Lembranças não viviam nas ruas ou nas cidades. Fluíam com o sangue, pulsavam com as batidas do coração. Ela carregava todas consigo, cada perda e tristeza. O peso delas era tamanho que a deixava encurvada, exausta.”

Gosto muito da escrita da autora e acho incrível como que ela consegue transformar as história de seus livros como se fossem fatos reais. A leitura é doce e dinâmica a cada pagina que você passa.  Infelizmente a vida nos prepara muitas surpresas, e da mesma forma que é na vida real, a autora nos mostra em cada página escrita no livro.

Sou suspeita para falar dos seus livros, pois ainda não li nenhum dela que não gostasse, e esse não foi diferente a leitura. Indico esse livro de olhos fechados para quem curte uma histórias familiar de muito amor e carinho.

“As mais longas jornadas começam com um primeiro passo, não é?”

Sem contar que acho essa capa linda, tem um toque de delicadeza e me lembra muito uma história de muito amor que realmente é. Se pararmos para pensar fazemos muitas coisas por amor. Renunciar é um ato de amor, perdoar é um ato de amor, sofrer muitas das vezes também é um ato de amor. Afinal fazemos muitas coisas por amor.

“O amor pode nos ajudar a passar por dificuldades. Mas também pode ser o motivo dessas dificuldades.”
 


18/08/2018

Resenha: Dentes de Dragão

Olá pessoal vamos de resenha hoje??


Livro: Dentes de Dragão
Autor: Michael Crighton
Editora: Arqueiro
Ano: 2018
Páginas: 304
Skoob: 4/5

Sinopse: Michael Crichton, autor da obra que deu origem ao lendário filme Jurassic Park, volta ao campo da paleontologia neste livro recém-descoberto, uma aventura emocionante ambientada no Velho Oeste durante a era de ouro da caça a fósseis. Com ritmo perfeito e enredo brilhante, Dentes de Dragão é baseado na rivalidade entre personagens reais. Com uma pesquisa meticulosa e imaginação exuberante, será transformado em minissérie pelo canal National Geographic com a Amblin Television e a Sony Pictures. Desde Jurassic Park, nunca foi tão perigoso escavar o passado. Em 1876, no inóspito cenário do Oeste americano, os famosos paleontólogos e arquirrivais Othniel Marsh e Edwin Cope saqueiam o território à caça de fósseis de dinossauros. Ao mesmo tempo, vigiam, enganam e sabotam um ao outro numa batalha que entrará para a história como a Guerra dos Ossos. Para vencer uma aposta, o arrogante estudante de Yale William Johnson se junta à expedição de Marsh. A viagem corre bem, até que o paranoico paleontólogo se convence de que o jovem é um espião a serviço do inimigo e o abandona numa perigosa cidade. William, então, é forçado a se unir ao grupo de Cope e eles logo deparam com uma descoberta de proporções históricas. Mas junto com ela vêm grandes perigos, e a recém-adquirida resiliência de William será testada na luta para proteger seu esconderijo de alguns dos mais ardilosos indivíduos do Oeste.

Resenha: Desde que eu li os livros Jurassic Park e Mundo Perdido desse autor, eu simplesmente me apaixonei pela escrita de Michael Crichton, e é claro, assim que vi que iriamos ter mais um livro dele, sobre dinossauros, corri para ler esse lançamento.

Aqui vamos ter um cenário do velho oeste, em um Estados Unidos de 1876, onde fósseis ainda eram pouco conhecidos e quase ninguém se aventurava para ter eles.

Dois paleontólogos rivais, Marsh e Cope, que desejam ter exemplares de dinossauros novos, ainda não descobertos, mas que quando se fala de fósseis, eles precisam ir até o território de índios, que são bem perigosos e hostis para conseguir o que querem, no meio disso, temos William Johnson, um rapaz de 18 anos, que está na faculdade de Yale e é desafiado a ir para a expedição do Professor Marsh, e claro, como naquela época, um bom desafio era aceito, ele mais do que depressa aprendeu a fotografar e foi se aventurar.

E aí começamos a aventura, onde temos um território totalmente inabitável, e desolado, para conseguir ossos, de animais que a muito tempo, foram extintos e que praticamente ninguém se interessa por isso.

O livro é mega rápido de ler, tem um espaçamento muito bom, e em uma sentada, acaba lendo o livro todo, a escrita de Michael, é muito boa, ele consegue te envolver muito na história, e isso ajuda mais ainda você ter a vontade de continuar lendo sem parar o livro.

Sou fascinada por dinossauros, e claro, todos os livros que eu encontrar sobre o assunto vou querer ler, e como o autor nos presenteou com o melhor dos mundos de dinossauros, ele não poderia ter escrito diferente esse livro, onde se você gosta de um clima bem faroeste, vai gostar mais ainda.

O que gostei de saber desse livro, é que sim, a rivalidade dos paleontólogos, foi real, e aí veio a imaginação e deu um toque perfeito ao que na época, por si só, já seria bem estranha digamos, pois quem no mundo, iria querer brigar por causa de ossos velhos que ninguém se interessa?

Adorei poder me entregar nessa leitura e ler algo desse autor que virei fã, e que com certeza, vou querer ler mais livros dele, mesmo que não seja de dinossauros, pois sei que ele tem livros de ficção cientifica também, e já que a editora Arqueiro conseguiu trazer esse livro, poderia conseguir mais algum dele para a gente se deliciar na leitura!



© Livros e Marshmallows ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo